A atividade de leitura e escrita e o desenvolvimento da imaginação

Stela Miller

Resumo


Este artigo tem por objetivo pôr em discussão a importância do trabalho pedagógico para o desenvolvimento da imaginação criadora da criança. Compreende a imaginação como um meio de organização dos conteúdos próprios do imaginário (ideias, emoções, percepções, modos de ver e sentir o mundo), de onde se alimenta, retirando daí os elementos que são reelaborados pela atividade do sujeito de modo a constituir com eles um produto original. No decorrer do texto, apresentamos algumas propostas de como realizar um trabalho pedagógico com a prosa de ficção e a poesia, objetivando o desenvolvimento da imaginação criadora do aluno. Consideramos que o trabalho com textos literários constitui‑se como uma via para a mobilização do conteúdo “armazenado” no imaginário do aluno ao longo de sua existência, e sua organização em produções criativas, o que lhe permitirá apropriar‑se de aprendizagens que levam ao desenvolvimento de capacidades fundamentais ao seu processo de humanização.


Palavras-chave


Leitura; escrita; aprendizagem; imaginação criadora.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Leitura: Teoria & PráticaAssociação de Leitura do Brasil (ALB)
e-ISSN: 2317-0972 - ISSN da edição impressa: 0102-387X