Ler e escolher livros para crianças e jovens: uma tarefa docente?

Juliana Bernardes Tozzi

Resumo


Este texto tem o propósito de colocar em pauta o tema das escolhas de livros para a leitura de crianças e jovens por parte dos professores, identificando possibilidades que se apresentam para o acompanhamento e a apreciação dessa produção. Destaca‑se a concorrência de autoridade de instâncias de mediação envolvidas com a produção e o consumo dos livros destinados à leitura das novas gerações. Nessa perspectiva, se enfoca como a comunidade dominante de escritores e críticos de literatura – a qual assume um discurso competente de avaliação dessa produção – se opõe a determinada forma de consumo de livros. Os professores, representantes da cultura escolar, emergem para estas comunidades como atores cuja capacidade de apreciação do “literário” encontrar‑se‑ia pouco qualificada e carente – o que o texto pretende iniciar em problematização.


Palavras-chave


Leitura; escolha de livros; livros infantis; qualidade do livro infantil; mercado de livros infantis.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Leitura: Teoria & PráticaAssociação de Leitura do Brasil (ALB)
e-ISSN: 2317-0972 - ISSN da edição impressa: 0102-387X