A educação nas revistas: entrelaçamento entre mídia, consumo e o dispositivo neoliberal

Vera Regina Serezer Gerzson

Resumo


O artigo problematiza o entrelaçamento entre mídia, consumo e dispositivo neoliberal nos textos das revistas. Supõe -se que essas mídias, quando pautam a educação, não apenas publicam informações, anúncios e opiniões. As matérias que problematizam a educação estão compondo textos culturais, produzindo formas de fazer, de aprender, de ensinar e, sobretudo, de ser e de compreender o mundo. Nos textos publicados são acionados discursos que atuam como dispositivos produtivos da articulação neoliberal, pois ao mesmo tempo que ela é produzida, também cria práticas e subjetividades férteis para a sua execução e para o incremento do consumo de serviços, produtos e ações encaminhadas ao âmbito da educação. A racionalidade e as práticas neoliberais constituintes do projeto político predominante na sociedade contemporânea estão presentes nas revistas, produzindo discursos conectados com essa perspectiva. O poder e as relações de poder neoliberais apresentam -se nos textos como práticas capilares, insidiosas, incorporadas nos discursos, publicados sem conotação repressora e autoritária, mas como verdades que circulam nos espaços públicos, interagindo produtivamente com os leitores das revistas.


Palavras-chave


Educação; mídia; neoliberalismo.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Leitura: Teoria & PráticaAssociação de Leitura do Brasil (ALB)
e-ISSN: 2317-0972 - ISSN da edição impressa: 0102-387X