Letramentos e alfabetizações na cibercultura: crianças e jovens em rede, desafios para educação

Aline Weber; Edmea Santos; Mara Monteiro da Cruz

Resumo


O artigo discute potenciais das tecnologias digitais e suas apropriações socioculturais por crianças e jovens na contemporaneidade. Discute características do perfil cognitivo do leitor imersivo, noções de letramento e alfabetização digital a partir de revisão de literatura e de um caso empírico vivenciado pelas autoras. Por fim, apresenta os potenciais das tecnologias digitais, mais especificamente o uso de ambientes virtuais de aprendizagem (AVAS), para a instituição de práticas curriculares e formativas. Os ambientes virtuais de aprendizagem permitem a convergência de linguagens e mídias, o que pode potencializar práticas de letramentos e alfabetização em situações formais de aprendizagem e formação, uma vez que crianças e jovens já se apropriam direta ou indiretamente de tais potenciais.

Palavras-chave


Letramento; cibercultura; educação.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Leitura: Teoria & PráticaAssociação de Leitura do Brasil (ALB)
e-ISSN: 2317-0972 - ISSN da edição impressa: 0102-387X